08/11/2007

Ok, quando se fala em jazz, ainda que entre tapas e beijos ao teu redor o pessoal comece a batucar um pagodinho, o primeiro nome que surge é o de Louis Armstrong - embora não tenha havido temperamento mais criativo que o de Charlie Parker.
Sua música durou, se tanto, uma década. Sobreviveu aqui em casa, onde reina absoluta.
Se falo em jazz, bum-bum-baticumbum-ziriguidum, fala-se logo em Louis Armstrong - e Dizzy Gillespie foi seu óbvio herdeiro, tanto em destreza instrumental quanto em espírito de animador. Charlie Parker e Dizzy Gillespie formaram a dupla ideal, os Leandro e Leonardo do Olimpo musical. Aqui ambos eternizam Hot House, a paráfrase que o pianista Tadd Dameron fez de What Is This Thing Called Love?, de Cole Porter.
Sejam benvindos, febrilmente, a casa.


clique no link abaixo e assista:



24 comentários:

Claudinha disse...

"Sejam benvindos, febrilmente, a casa."... já tirando os sapatos, o pijama e me colocando à vontade...rsrsrsrsrs... além da boa companhia e boa música, pode me servir uma taça de vinho também... Melzinha ao lado para coçar as orelhas e o sorriso brilha além dos lábios... alcançando os olhos... Beijos, meu querido!!!!

adivinha..... disse...

ui.. eu nao bebo .. mas me embebedo de boa musica.. e o bom gosto musical parou aqui e ficou.. sou ecletica ate um certo ponto.. "agonia" (mais conhecido como harmonia) do samba, a dona key e afins estao fora do repertorio.. bom a essa hora os neuronios cansados nao conseguem pensar em mais ninguem.. haja sofrimento para compor a lista toda.. e eu me eximo deste flagelo por ora..prefiro os braços calientes e a boca sedenta de morpheu..

Yardbird's Lonely Hearts Club Band disse...

Bird lives!

Lela disse...

Gosto de "ler" jazz com vc. Deixa de ser um ritmo pra ter e ser história e eu adoro isso.
Beijo, menino.

Tânia disse...

Ontem ao chegar aqui me perdi com Dizzy e Charlie, depois Cole Porter que esqueci de comentar...
Lê, para você só posso cantar...
"Night and day
You are the one
Only you beneath the moon
And under the sun
Whether near to me or far
It's no matter, darling,
Where you are
I think of you
Night and day..."

Dança comigo?

faxineira disse...

...égua, tequefim alguém trabalha aqui!!! Viva "aos" músicos!

ko-ko disse...

klact-oveeseds-teen!

Crys disse...

Quem é essa faxineira metida a paraense???? Vou cobrar meus direitos autorais... humpft!

faxineira disse...

Que metida q nada, tem muito tempo q não sou metida...

Diarista p/ faxineira disse...

Vai ciscar noutra freguesia que hoje é meu o dia...

Abigail disse...

Podem ir as 2 circulando, anda! anda! quem joga todo esse jáiz no lixo sou eu!!!

Serviços Gerais da presidência chegando disse...

Vai um leitinho ai pra desinfetar o ambiente?????

Serviços gerais disse...

...se misturar esse tal de jáiz e o leite, será que dá um calypsunnnnnn?!?!?!

Abigail disse...

Êita q eu sempre encontro leitinho nesse antro sempre!!! sempre!!! mas eu limpo, juro q eu limpo!!! limpo!!!

gabriel disse...

ainda bem que citou leandro e leonardo e não essas novas duplecas estilo zezé de camargo e luciano. aí, ia ter briga.

Claudinha disse...

Leeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee,

vem me dar beijo na boca.... rsrsrsrs...

descobri como faz pra você.... rsrsrs

Lela disse...

Cau, 10 pr'ocê! Vamo combinar que agora o post ficou completo! ;)

loba disse...

Prazer estar novamente em sua casa! E se é de jazz o convite, melhor ainda.
Feliz em te ler de novo, viu?
Beijo dos grandes.

né não babe? disse...

Jazz é bom mesmo pra acabar com casamento...

babe responde a né não babe... disse...

Jazz é bom mesmo pra esquentar a relação...rsrsrsrs... bóra???

preguiçosa disse...

Jazz é bom com caipirinha e Falcão....

nada como um pagodinho disse...

Jazz não é só a trilha sonora do barraco, é onomatopéia! pior ainda: epizêuxis!!!

nick disse...

jazz não é o kenny g?

Zelite Branca disse...

Jazz é música de senzala.